1 de abril de 2018

BOMBOM COM LARVAS? QUE NOJO!!!

Nenhum comentário :

São incontáveis os casos de reclamações de pessoas que acharam larvas em bombons, no país inteiro  
Imagina presentear alguém com uma caixa de bombons e ao abrir o presente descobrir que os chocolates estavam "recheados" com larvas? É uma situação constrangedora, que nos leva a ter acessos de raiva e repugnância, que pode gerar indenização ao infeliz comprador.

Eu, pessoalmente, já passei por essa situação duas vezes, numa loja de uma rede de supermercados famosa, em Eunápolis, extremo sul da Bahia. Sou viciado em chocolate e sempre que fazia compras, consumia bombons na “boca do caixa”, enquanto “passava as compras”.

Um dia, alguma coisa ligou meu “desconfiômetro” e passei a analisar o bombom, abrindo com cuidado e observando bem. Coincidentemente, na primeira observação, me deparei com duas larvas “perambulando” livres, leves e soltas, pela guloseima. Mostrei à moça do caixa e levei na brincadeira, não fotografei, não filmei, mas a história é conhecida naquele estabelecimento.

O vídeo que mostramos aqui é recente, feito em 07/02/2018. Chegou à nossa redação via whatsapp e nele duas mulheres relatam suas desventuras com a compra, mas não é um caso isolado. Existem vários vídeos na internet mostrando situações parecidas, inclusive casos em que compradores moveram ações na justiça e foram indenizados.

Esse é um dos vários casos que são relatados semanalmente em vários lugares do Brasil sobre a presença de “bichinhos” em chocolate industrializado. Tanto o cacau, quanto castanhas e cereais adicionados ao produto são ambientes que, durante o transporte e armazenamento, favorecem o aparecimento desses organismos, segundo dizem a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) e especialistas.

"Nenhuma embalagem é totalmente segura contra a infestação. Assim, o problema pode ser tanto a matéria prima já conter ovos de insetos (que são muito pequenos para serem notados), como o local de estocagem já estar infestado", esclareceu um biólogo durante uma entrevista a um canal famoso de informação.

 "A única maneira de prevenção é uma busca constante nos locais por esses insetos adultos e sua eliminação, posto que a aplicação de qualquer inseticida diretamente comprometeria o produto."

No meu caso, tomei uma atitude radical: Não compro nem consumo mais esses bombons, pois a embalagem, na minha opinião, permite a infestação, uma vez que insetos e ratos passeiam livremente pelos locais de estocagem. Outro tipo de chocolate, com embalagem lacrada, ainda me arrisco a comer. E você, o que acha disso? Vai uma larvinha aí? (Por Carlos Rheiz).  ...V I D E O


Nenhum comentário :

Postar um comentário