CIGANOS SÃO PRESOS COM FARTA MUNIÇÃO, ARSENAL DE ARMAS E CHEQUES DE ALTOS VALORES

CIGANOS SÃO INDICIADOS POR PORTE ILEGAL DE ARMAS E SERÃO INVESTIGADOS PELA POSSIBILIDADE DE AGIOTAGEM  
No início da noite desta segunda-feira, dia 18 de maio, policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado da Mata Atlântica (CIPE-MA), realizavam rondas de rotina no bairro Nova América, na região leste de Teixeira de Freitas e quando passavam na rua Vitória, avistaram três elementos suspeitos, que trafegavam a bordo de um veículo GM/Astra, de cor prata, placa NZE-4298.

Desconfiados os militares resolveram fazer a abordagem e no interior do veículo encontraram os ciganos Caio Meira Dantas, de 19 anos, que disse ser comerciante, Hiago Meira Dantas, de 32 anos, que informou trabalhar como vendedor e Alexandre Gama da Silva, 25, que não declarou profissão. Durante a revista os policiais encontraram na cintura de Hiago uma pistola calibre 380, de numeração KHR-51280, modelo PT 58, com um carregador acoplado e municiado com 18 cartuchos intactos do mesmo calibre da arma.

Ao ser questionado se possuía mais armas, Hiago apresentou nervosismo e teria tentado subornar os policiais oferecendo aos mesmos a quantia de R$ 1 mil, caso fosse liberado.

Na sequência os militares deslocaram-se juntamente os três detidos a uma casa localizada no próprio bairro Nova América, onde o trio disse residir. No interior do imóvel os policiais encontraram Dinoel Ramos Dantas, de 60 anos e Fábio de Almeida Dantas, 35. Com autorização de Dinoel os militares da CIPE-MA adentraram à casa, onde localizaram diversos cheques preenchidos com os mais diversos valores, farta munição e um verdadeiro arsenal de asmas. Entre o armamento apreendido estava um revólver calibre 38, com sete cartuchos intactos, um revólver calibre 38 especial, municiado com 8 cartuchos, uma espingarda calibre 12, de dois canos, 58 cartuchos de calibre 38 intactos, 2 cartuchos calibre 380, 4 cartuchos intactos calibre 12, um cartucho intacto calibre 20, o registro de uma pistola calibre 380, com numeração de série HKM-83981, que não foi encontrada, além de sete celulares e diversos cheques, alguns de altos valores, sendo um cheque do Banco Itaú de R$ 300, um cheque no Banco do Brasil no valor de R$ 25.792,50, outro do Banco do Brasil de R$ 11.355,00, um cheque do Banco Itaú de R$ R$ 2 mil, um cheque do Banco do Brasil de R$ 30.580,00, um cheque do Banco do Brasil no valor de R$ 2.500,00, um cheque do Banco Itaú de R$ 1,5 mil, um cheque do Banco Itaú no valor de R$ 230,00, um cheque do Banco Itaú de R$ 2 mil, um cheque do Itaú no valor de 805,00, R$ 16.881,90 em espécie e um relógio de marca Séculos dourado.

Após a descoberta e apreensão das armas e munições, os policiais deram voz de prisão aos cinco acusados e conduziram os mesmos à Delegacia da Polícia Civil de Teixeira de Freitas (DEPOL).

As últimas informações dão conta que os cinco ciganos foram indiciados por porte e posse ilegal de arma de fogo com base no Artigo 14, da Lei 10.826/03 – Lei do Desarmamento -, e vão permanecer presos à disposição da Justiça. Parte do bando ainda pode responder por tentativa de suborno e a polícia, com base nos diversos cheques apreendidos, está investigando a possibilidade de agiotagem, caracterizada como crime de usura pelo Código Penal Brasileiro (CPB). (Por Ronildo Brito e Tyago Ramos).
Seu apoio é tudo de bom: clique >>aqui<< para curtir nossa página no facebook.


FONTE: TeixeiraNews

Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.