CANCRUM ORIS: A DOENÇA PROVOCADA PELA FOME QUE ESTÁ DEVASTANDO A ÁFRICA

ESSA DOENÇA ATINGE MUITAS CRIANÇAS: 80% DOS PACIENTES TEM MENOS DE 10 ANOS DE IDADE  
Foto Reprodução da Internet
Ela é vista em países subdesenvolvidos, especialmente nas áreas mais pobres da África, Ásia e alguns países da América Latina. A Organização Mundial da Saúde (OMS) estima que 100.000 pessoas são afetadas por ano.
Algumas culturas não tratam a doença, já que ela é considerada um tabu. Isso resulta em uma barreira para a detecção da enfermidade e para o início do tratamento adequado.

Cancrum Oris, conhecida também como Noma, é uma inflamação gangrenosa aguda dos tecidos orais e faciais, e atinge mais frequentemente pacientes gravemente desnutridos. Primeiramente, ela surge como uma úlcera dolorosa na gengiva e evolui posteriormente para uma necrose do tecido bucal, chegando a atingir os dentes e os ossos. O tratamento é feito com doses altas de penicilina e acompanhamento médico constante.

Foto Reprodução da Internet
Além da desnutrição, fatores como higiene oral inadequada, saneamento básico ineficiente, água impura, ocorrência recente de outra doença debilitadora, são geralmente encontrados na pessoas que contraem Noma.

A doença possui uma alta taxa de mortalidade. Estima-se que 80% a 90% das pessoas afetadas não conseguem sobreviver. Porém a evolução pode ser freada com antibióticos e com uma melhor alimentação.

Entretanto, os danos causados pela necrose e pelas úlceras são permanentes, sendo necessária cirurgia plástica para reparar o rosto do paciente.

Agora que você ficou conhecendo o sofrimento desse povo diante de tantos problemas já demonstrados além dessa maldita doença, provavelmente você vai esquecer de seus problemas e agradecer a Deus por estar vivo e com saúde.
Clique >>AQUI<< para curtir a nossa página no facebook.
Foto Reprodução da Internet
Foto Reprodução da Internet


Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.