CANIBAL SE ENTREGA À POLÍCIA APÓS CONFESSAR TER "CANSADO DE CARNE HUMANA"

  HOMEM FOI ATÉ DELEGACIA DIZER QUE ESTAVA CANSADO DE COMER CARNE HUMANA  
Uma notícia causou comoção mundial e foi publicada pelos maiores sites de notícia, nacionais e internacionais. 

Pelo menos cinco pessoas foram presas na província de KwaZulu-Natal, na África do Sul por crimes relacionados ao canibalismo desde a última sexta-feira (18). A detenção ocorreu depois que um homem foi até uma delegacia dizer que estava cansado de comer carne humana, entregando aos policiais parte de uma perna e uma mão. As informações são da agência de notícias Associated Press.

A polícia então acompanhou o homem até sua casa, onde outras partes humanas foram encontradas. Os outro quatro indivíduos — dois dos quais eram conhecidos como curandeiros na região — foram presos em seguida. Em entrevista à rede BBC, um porta-voz da polícia disse que o grupo — cujos membros tinham idades entre 22 e 32 anos — é, provavelmente, parte de uma organização maior.

A investigação sobre o caso está em curso, e as autoridades encorajaram pessoas com parentes desaparecidos na província a registrarem queixa. Um time de investigadores forenses foi convocado para estudar as partes humanas encontradas e ainda não está claro se elas pertencem a uma ou mais pessoas.

Um mês atrás, um homem na cidade de Durban, também na África do Sul, foi preso pela possessão de uma cabeça humana, guardada em uma mochila. Acredita-se que ele pretendia vender a cabeça a um curandeiro.  (Fotos: reprodução da internet).





FONTE: R7  

Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.