SALVADOR: PELAS REDES SOCIAIS, HOMEM É ACUSADO PELO ESTUPRO DA ENTEADA QUE NÃO POSSUI

SITUAÇÃO QUE SE REPETE NAS REDES SOCIAIS, COM FOTOS, TEXTOS E ATÉ ÁUDIOS, ACUSANDO FALSAMENTE PESSOAS INOCENTES  
Um homem está sendo acusado por meio das redes sociais de ter estuprado a enteada que ele não possui. Alan Souza Bertoso está com medo da situação e já registrou queixa na 12ª Delegacia Territorial (DT/Itapuã).

“Alguns amigos ligaram para mim dizendo que tinha chegado essa imagem de que eu tinha estuprado e matado a filha da minha esposa. Nós só temos um filho que se chama Levi. Eu falei [aos amigos] que não estava sabendo de nada, nem WhatsApp tenho. Podia acontecer um linchamento pois essa imagem poderia estar correndo em qualquer lugar”, disse Alan em entrevista à repórter da TV Aratu, Lícia Fontenele.

A esposa da vítima, que não tem filha, também se mostrou chocada com a situação. Caso comprovado, o crime de calúnia pode render prisão até para as pessoas que compartilharam o texto.
VEJA A REPORTAGEM:
VEJA TAMBÉM: Raio atinge menino que brincava na chuva.



Matéria publicada em 28/10/2017 – Aratu Online

Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.