Gerais

Homem é detido ao fazer funcionária da Gol de refém em Guarulhos


Fato ocorreu no aeroporto de Guarulhos. Suspeito afirmou ser policial militar do Paraná e falou palavras desconexas sobre corrupção; ele acabou e entregando

Um homem foi preso pela Polícia Federal na noite deste domingo (11/4) ao fazer uma funcionária da Gol de refém no Aeroporto de Guarulhos, em São Paulo. De acordo com imagens transmitidas ao vivo pelas redes sociais por passageiros, o agressor estava portando uma faca e exigia a presença de policiais que atuam no terminal e o envio das imagens à imprensa.


A mulher, visivelmente abalada, vestia o uniforme da companhia, e foi abordada pelo suspeito em um dos portões de embarque. Testemunhas contaram que o homem tinha passagem comprada para um dos voos que decolariam ainda nesta noite. Durante o ato, ele afirmou ser integrante da Polícia Militar do Paraná, e falou palavras desconexas sobre "corrupção", em referência a governos estaduais.

O acusado afirmou ainda que estava carregando uma bomba na mochila que portava nas costas. No entanto, essa hipótese foi descartada ainda na vistoria realizada pelos policiais após a abordagem. Os agentes da PF negociaram por alguns minutos e ele se rendeu, liberando a refém sem ferimentos. A reportagem entrou em contato com a Gol para saber mais detalhes sobre o caso e aguarda manifestação da empresa.

FONTE: EM



PUBLICIDADE: 

 


Clique aqui e siga nosso Instagram  

Clique aqui e curta nosso Facebook 

Clique aqui e entre em nosso Whatsapp 

Clique aqui e participe de um grupo de notícias no Facebook  


Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.