JOVEM É PRESA AO TENTAR ENTRAR EM DELEGACIA COM MAIS DE 1 KG DE MACONHA NAS PARTES ÍNTIMAS

UM VÍDEO MOSTRA O TRABALHO DOS MÉDICOS PARA RETIRAR DROGAS DAS PARTES ÍNTIMAS DE UMA MULHER  
Esta notícia está um pouco desatualizada, mas o fato é tão interessante que nos obrigou a recontar a história, devido aos riscos à saúde, para quem usa o próprio corpo para o transporte desse tipo de coisa.

A senhorita Natália Dias Mungo tem 21 anos e foi detida no dia 30/10, quando tentava entrar na delegacia com mais de 1 kg de maconha enfiada nas partes íntimas, quando os agentes desconfiaram e fizeram a revista. Ela foi presa pelo crime de tráfico de drogas. Coincidentemente o nome da cidade é Rolândia, no estado do Paraná.
A maconha foi prensada em forma de rolo, lacrada com fita adesiva do tipo usada em embalagem e depois colocada numa “camisinha”.

Muitas mulheres e até homens tentam entrar em delegacias e prisões carregando drogas em suas partes íntimas, para algum parente, amigo ou comparsa preso, um risco enorme de ser detido e processado por tráfico, além de riscos à saúde, porque constantemente algumas dessas pessoas não conseguem retirar os objetos naturalmente e acabam em hospitais para emergências médicas. Alguns desses entorpecentes possuem químicas violentas que, se entrar em contato com a corrente sanguínea, podem causar sérios problemas à saúde e quem sabe, até a morte.

O vídeo abaixo mostra os médicos em ação, tendo o maior trabalho para retirar uma enorme quantidade de drogas, de dentro de uma mulher. As cenas podem ser consideradas chocantes e por isso o vídeo não é recomendado para menores de idade ou pessoas com algum tipo de problema emocional.


SE VOCÊ CLICAR NO PLAY, ESTARÁ AUTOMATICAMENTE SE DECLARANDO MAIOR DE IDADE, SEM NENHUM TIPO DE PROBLEMA EMOCIONAL OU PSICOLÓGICO E PERFEITAMENTE APTO PARA VER O VÍDEO:

Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.