MENOR É ENCONTRADA APÓS SUA FOTO REPERCUTIR NAS REDES SOCIAIS

A GAROTA DE 15 ANOS, ESTAVA ESCONDIDA NA CASA DE UM HOMEM QUE FUGIU DO LOCAL  
O desaparecimento de uma jovem é um caso um tanto quanto corriqueiro. Constantemente acontece, por razões diferentes.

Desde a última sexta-feira, 27/11, uma foto de uma garota de 15 anos de idade começou a circular nas redes sociais, com uma mensagem desesperada de um pai aflito, implorando notícias da filha que vamos chamar de Garota.

Segundo informações de sites regionais, o pai tentou registrar queixa, mas só conseguiria, pela lei, após 48 horas do desaparecimento. Ela havia sido vista pela última vez, em frente ao portão da escola, antes das 7:00 hs da manhã, onde cursa o 9º ano do ensino fundamental, em Itabela-BA. Ela foi deixada pelo pai, na escola, juntamente com a irmã mais nova de 13 anos.

Na manhã de domingo, 29/11, os pais receberam uma ligação restrita, informando a localização da garota. A pessoa que ligou disse: “Vi a matéria e tenho certeza que a jovem é a mesma que está em uma casa no Bairro Irmã Dulce”.

A família disse que ao chegar no local indicado, um homem correu deixando a garota sozinha na casa. “Quando soubemos onde ela estava, fomos buscá-la e acabamos deparando com uma situação de dar dó, o local era feio e metia medo, o homem ao nos ver, saiu correndo”, relata. Existe uma suspeita de que a moça conheceu o rapaz através da internet, informou uma prima.

Atualmente, a internet é quase de vital importância para as pessoas. A facilidade de conhecer coisas boas ou ruins tem que ser muito bem gerenciada, principalmente nas redes sociais, que muitas vezes funcionam como verdadeiras armadilhas para pessoas incautas. É preciso muito cuidado dos pais, em relação aos seus filhos menores. Tem que haver diálogo e a família tem que ser guiada pelo amor e companheirismo, para evitar acontecimentos como esse.

Existem vários casos, no mundo inteiro, de tragédias começadas por encontros marcados nas redes sociais. Muitos crimes assustam pela dinâmica e pela brutalidade. As vítimas, normalmente, são jovens inexperientes levadas pelas mais diversas fantasias.

ERRATA:
Buscamos informações em três sites regionais. Dois publicaram a foto da menina que rodou amplamente numa rede social e nós copiamos, mas a foto exata é essa que agora colocamos em cima. A outra foto era de uma garota também desaparecida, mas que provavelmente ainda não foi encontrada. A informação exata vem do site FOLHA BAIANA. Sempre buscamos informações antes de publicar uma matéria, mas dessa vez cometemos um erro e por isso pedimos SINCERAS DESCULPAS aos nossos internautas.


Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.