MÃE É ACUSADA DE PARTICIPAR DE ESTUPRO DE FILHAS NO SERTÃO BAIANO

A MÃE PROMOVIA FESTAS COM BEBIDAS ALCOÓLICAS E DEIXAVA FILHAS EXPOSTAS AO COMPANHEIRO E A UM PRIMO DELE  
Imaginem a cena: Uma mãe promove festinhas em casa, com bebidas alcoólicas, expondo suas duas filhas vulneráveis de 12 e 13 aos abusos do companheiro dela e o primo dele.

As duas crianças vinham sendo estupradas há pelo menos dois anos, desde 2015, pelo padrasto Adriano e pelo primo dele, Beneval, com permissão da própria mãe.

Nesta quarta-feira, 02/08, a Polícia de Jeremoabo, sertão baiano, cumpriu três mandatos de prisão preventiva por estupro de vulnerável, baseado na Lei Maria da Penha e no Estatuto da criança e do Adolescente, contra Adriano Santos Nascimento, Beneval Santos Ferreira e Bernadete Alves de Menezes, mãe das crianças.

Os acusados foram encaminhados ao Presídio de Paulo Afonso, sertão baiano e as meninas ao Conselho Tutelar de Jeremoabo.





|Fonte:Coronel e as Notícias/Foto:Divulgação PM|

Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.