Gerais

Mulher é ferida no rosto dentro de estação do BRT no Rio de Janeiro

Câmeras de segurança flagraram menor atacando produtora teatral
Na última sexta-feira, 27/08/2018, a produtora teatral Letícia Copaja, estava voltando do trabalho, quando foi atacada e ferida à facadas no rosto e na cabeça, dentro da estação Marambaia do BRT, em Vicente de Carvalho, na Zona Norte do Rio de Janeiro.  O autor é um menor, que cometeu a agressão dentro da área de embarque. Ela pediu socorro, mas não havia seguranças e o adolescente saiu andando calmamente, como se nada tivesse acontecido.

Um homem vizinho da estação correu para ajudá-la. Ele chamou o serviço de emergência e ela foi levada para o Hospital Getúlio Vargas, onde fez a sutura dos cortes.

Quando ela saiu do hospital, já era tarde. Algumas horas depois, ela foi até a 27ª DP (Vicente de Carvalho), para registrar a ocorrência. Ela contou que não foi bem atendida.

Relatando uma certa negligência por parte das autoridades, ela revelou que só uma semana depois foi convocada para fazer um retrato falado do agressor e que isso só aconteceu devido a repercussão nas redes sociais. O post dela teve milhares de compartilhamentos.

Letícia expressou um forte sentimento de abandono e diz que ainda tem muito medo, até mesmo de ir trabalhar.

Ela está à procura de um dermatologista para tratar a marca no rosto, mas ainda não conseguiu uma consulta pelo Sistema Único de Saúde, pois só há vagas para daqui a muito tempo.

Apesar do BRT comprovar a agressão, pelas imagens das câmeras, o consórcio encarregado do serviço diz que segurança pública é dever do estado. Parece que despesas e indenizações vão demorar para acontecer...




Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.