crime

Iguaí-Bahia: Vaqueiro mata patrão e comete suicídio

Os motivos podem ter sido passionais ou devido a uma acusação de furto de gado
Na manhã desta terça-feira, 09/04/2019, uma tragédia chocou a população de Iguaí, no sudoeste da Bahia, supostamente provocada por ciúmes.

O vaqueiro Roberto Ferreira dos Santos assassinou a tiros o seu patrão, Marival Silva Freitas, empresário da região e em seguida, cometeu suicídio.

A ocorrência se deu na fazenda Boa Nova, de propriedade de Marival, na região do “Tomba Morro”, no distrito de Ribeirão das Flores.

A cena do crime sugere que houve luta corporal, já que no local havia um pedaço de madeira sujo de sangue, próximo ao vaqueiro e um facão próximo a fazendeiro. Nas mãos do vaqueiro estava um revólver. O fazendeiro foi atingido com golpes de pauladas, facãozadas e um tiro.

O fato viralisou nas redes sociais da região, causando comoção. Os corpos foram removidos ao Instituto Médico Legal de Itapetinga onde passarão por necropsias.

A Polícia Civil colheu depoimentos da esposa do vaqueiro e de um funcionário da fazenda. Uma das linhas de investigação é um suposto relacionamento do fazendeiro com a esposa do vaqueiro e a outra é o fato do fazendeiro ter acusado o vaqueiro de furto de gado.

PUBLICIDADE:




Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.