Gerais

Polícia apreende arma letal feita com peças de ferro velho

Laudo aponta que arma de fogo tem características de revólver e de espingarda, e pode matar
A Perícia Oficial de Alagoas informou neste sábado (22) que foi constatada a letalidade de uma arma artesanal apreendida durante uma ação policial e ela pode ter sido construída com peças encontradas em um ferro-velho.

A arma tem seis canos de calibre 12 e chama atenção pela característica de espingarda, mas com funcionamento de revólver. Ela foi apreendida no dia 6 de janeiro, no Benedito Bentes, em Maceió, quando policiais militares trocaram tiros com suspeitos de tráfico de drogas.

A perícia foi solicitada pela delegacia do 8º Distrito Policial, responsável pelo inquérito que apura o caso.

Após análise no Laboratório de Balística Forense, os peritos criminais Paulo Rogério e Suely Maurício constataram que ela foi arquitetada sem nenhum critério de segurança e que o giro do tambor da arma é feito de forma manual, sendo necessário o atirador alinhar o cano com o sistema de percussão da espingarda.

“Realizamos vários testes no laboratório e conseguimos constatar que a arma apreendida é eficiente, e pode sim matar. Ela efetua disparos de forma unitária, e sua engenharia não permite disparar os seis canos de uma única vez, apenas um tiro por acionamento, já que se precisa alinhar o cano com o percursor”, explicou Paulo Rogério.

A Perícia não informou quando nem onde a arma foi apreendida.

Por ser uma arma perigosa tanto para a vítima como para o atirador, nos exames foram utilizadas munições sem a carga propelente, que é a pólvora completa, para garantir a segurança do setor. (G1).


PUBLICIDADE:



Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.