Política

Eunápolis – Prefeita sanciona lei que reconhece Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais como de utilidade pública


A prefeita de Eunápolis, Cordélia Torres, sancionou no último dia 26, lei reconheceu a Agência Adventista de Desenvolvimento e Recursos Assistenciais (Adra) como de utilidade pública. O projeto de lei foi aprovado pelo plenário da Câmara Municipal e agora foi sancionada pelo Poder Executivo Municipal.

Quando a iniciativa visa fazer o bem, é preciso incentivar mecanismos que auxiliem entidades com essa finalidade, disse a prefeita Cordélia Torres. “Agências humanitárias são importantes agentes de promoção social, logo ajudam pessoas e também fazem impulsionar o desenvolvimento social do município”, completou.

O título de utilidade pública, destinada a entidades, fundações, organizações ou associações civis, significa o reconhecimento do Poder Público de que instituições, como agências, em conformidade com o seu objetivo social, são sem fins lucrativos e prestadoras de serviços à comunidade.

A Adra, agência humanitária da Igreja Adventista do Sétimo Dia, tem atuação em 15 estados brasileiros e está presente em mais de 130 países. Voltados ao desenvolvimento humano, seus projetos abrangem áreas, como nutrição e redução da fome, crianças em situação de vulnerabilidade, saúde comunitária, valorização da mulher e geração de emprego e renda, dentre outras ações.

Sucom – Prefeitura de Eunápolis.


PUBLICIDADE: 

 

Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.