Ticker

6/recent/ticker-posts

Header Ads Widget

Vergonhoso: Policial rodoviário federal incita populares a atear fogo na Prefeitura de Ilhéus

 




Um vídeo tomou proporções gigantescas e deve estar causando um enorme mal estar nas partes envolvidas

 

A situação é inusitada e extremamente constrangedora para a corporação da PRF – Polícia Rodoviária Federal, que tem demonstrado ao longo dos anos, ser de extrema lisura, interagindo com as comunidades, protegendo e servindo a nação com ações louváveis.




Nesta segunda-feira, 24/01/2022, durante uma manifestação popular na paradisíaca cidade de Ilhéus, no sul da Bahia, uma equipe da PRF tentava controlar a situação de trânsito, quando um agente teve a infeliz ideia de proferir algumas frases que, com certeza, vai se arrepender por toda a vida. Nas frases do agente, parecia haver um tom de referência ou preferência política:

“Passa na prefeitura e toca fogo lá. Marão mora de frente pro mar. Verão, Marão não vai vir aqui, nem aqui nem na China”, SIC.

O agente ainda fez referência a uma possível “vinda” do prefeito, dizendo que ele poderia até “vir” em outra semana com a mulher de lado à tiracolo, para pedir voto para a população, pra ela ser deputada estadual. Veja o vídeo:





A situação foi filmada por um popular e o vídeo circula nas redes sociais, tomando proporções gigantescas, causando indignação e constrangimento entre as partes envolvidas, principalmente pelo motivo de estarmos em ano eleitoral.

A gravação demonstra o despreparo (ou um momento de surto) de um servidor público federal, que deve ser responsabilizado pela postura antiética e punido.

O prédio é um bem público e cabe a todos os cidadãos zelar e cuidar do patrimônio do Município.






Postar um comentário

1 Comentários

  1. Certíssimo. Uma cambada de desocupados só quer tumultuar a BR tirando o direito aleio de ir e vir...vão cobrar as pessoas certas, quando chega a política fica esse monte de retardados pulando atrás de passeata segurando bandeira. Ao invés de conseguir aliados estão perdendo. Eu mesmo não apoio a causa da "reivindicação" anti-democrática seja lá qual for, só pelo motivo de ter inibido o direito de ir e vir dos transeuntes da BR gerando transtornos e prejuízos.

    ResponderExcluir