segunda-feira, 9 de outubro de 2017

UMA SEMANA DE TERROR: MULHER É VÍTIMA DE CÁRCERE PRIVADO, ESPANCAMENTO E TORTURA

Nenhum comentário :
VÍDEO MOSTRA RELATOS CHOCANTES DA VÍTIMA. O AGRESSOR TENTOU ENFIAR UM ROLO DE MACARRÃO NAS PARTES ÍNTIMAS DELA  
Uma mulher de 28 anos viveu uma semana de terror, em cárcere privado, sendo estuprada, torturada e espancada com um rolo de macarrão, por companheiro, em Salvador. O homem foi preso na última quinta-feira (5). [Assista relato no vídeo abaixo].

O elemento chegou ao cúmulo de tentar introduzir um rolo de macarrão nas partes íntimas da vítima e só não conseguiu por que se debatia muito e gritava. Ele também tentou sufocá-la várias vezes com sacos de supermercados, com as mãos e também com fios elétricos.

O indivíduo ainda obrigava ela a mandar recados para amigos e família, pelo whatsapp, dizendo que estava tudo bem, que teria voltado com o ex por amor. Nos momentos da tortura, o algoz ligava o som no último volume. Dessa maneira os vizinhos não conseguiram perceber nada.

Felizmente, num momento de descuido, ela conseguir fugir, saltando um muro do primeiro andar. Na rua pediu ajuda ao primeiro que avistou e seguida foi socorrida ao hospital.

Ela relatou que em cinco anos de convivência, se separou dele quatro vezes, mas ele sempre a convencia a reatar, prometendo que mudaria de comportamento e ela acreditava. A operadora de telemarketing conta que encontrou força para recomeçar no apoio de amigos, família e a filha de 7 anos, fruto de outro relacionamento.

Uma pergunta fica no ar: Para que serve a Lei Maria da Penha, se ela não consegue de fato proteger ninguém? Existem dezenas, centenas ou milhares de relatos, onde mulheres maltratadas e espancadas por seus homens, acabam tendo um triste final. O tipo de elemento que maltrata mulheres, não obedece às restrições impostas pela Lei. Alguma coisa precisa ser mudada. A lei precisa ser bem rígida em relação a esses casos. Esse tipo de crime precisa ter penas pesadas ou vamos continuar dando notícias tristes como essa.
CONFIRA O VÍDEO:


Nenhum comentário :

Postar um comentário