DANÇARINA DE FUNK FOI MORTA A TIROS PELO PRÓPRIO COMPANHEIRO

A DANÇARINA FOI BRUTALMENTE ASSASSINADA DEPOIS DE SER ESPANCADA PELO MARIDO  
Na tarde de quinta-feira, 16/04, uma ex-dançarina do grupo Jaula das Gostozudas e da Gaiola das Popozudas foi brutalmente morta a tiros pelo seu companheiro, na própria residência, em Nova Iguaçu, na grande Rio de Janeiro.

Vizinhos relataram que ouviram discussão no interior da residência que fica na Rua Constituição, bairro Posse e em seguida vários tiros.

O autor do crime, marido da vítima, identificado como Milton Severiano Vieira, 32 anos, o “Miltinho das Vans” tomou de assalto o veículo Gol de um vizinho e fugiu do local, mas foi localizado pelos policiais e tentou fuga perdendo o controle do veículo que capotou na rodovia Presidente Dutra. O criminoso foi levado ao Hospital da Posse, sob escolta policial. A polícia apreendeu com ele 4 pistolas, uma espingarda calibre 2 e um colete à prova de balas.

O corpo da dançarina Amanda Bueno de 29 anos foi recolhido e encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML).  
Câmeras de segurança registraram todo o crime. O marido derruba a mulher que foi espancada violentamente e depois detona a cabeça dela com tiros de espingarda e pistola. O assassino já tem duas passagens pela polícia por crime de violência doméstica.

A finalidade dessa matéria é mostrar que crimes como esse chocam a população que esperam dos políticos leis mais severas que possam inibir a violência contra as mulheres que normalmente se tornam vítimas de loucos como esse, que se acham “donos” das companheiras.

SE VOCÊ FOR MAIOR DE IDADE E NÃO TEM PROBLEMAS EMOCIONAIS, CLIQUE >>AQUI<< PARA VER AS FOTOS CHOCANTES EM NOSSA PÁGINA CABULOSO
Clique >>aqui<< para curtir nossa página no facebook.
CONFIRA O VÍDEO:

Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.