PRAÇA DO PEQUI: O RETRATO DO DESCASO

UM LOCAL QUE DEVERIA SER AGRADÁVEL E PROPORCIONAR LAZER, TORNA-SE CADA VEZ MAIS EVITADO POR PESSOAS DE BOM SENSO 
O Pequi provavelmente é o maior bairro da cidade, aliás, esse bairro na verdade chega a ser uma cidade dentro de outra. Podemos até afirmar que várias cidades do país chegam a ser  menores que esse bairro.

Comercialmente tem se tornado um centro de referência com grandes lojas, supermercados, loterias, empresas de ônibus e centenas de prestadores de serviços. A feira livre esbanja fartura e atrai moradores de outros bairros nos fins de semana.

A praça do Pequi é o nosso foco nessa matéria. Antes da praça, havia um cemitério naquele lugar. Um dia um prefeito achou por bem transformar o espaço que parecia macabro, numa praça onde as pessoas pudessem parar para bater um papo descontraído, perambular à noite, namorar, enfim, a nova praça se tornaria um local de lazer para toda a comunidade.

Bem planejada, a praça foi construída e teve belas árvores plantadas. Com o passar do tempo construíram uma quadra de esportes e pararam por aí.

Hoje, a praça que era a referência desse grande bairro, transforma-se num local de repugno, nojento e perigoso onde se reúne todo tipo de gente. Inclusive no São João, essa praça torna-se palco de festejos juninos por onde circulam milhares de pessoas diariamente  e mesmo assim, a praça não passa de um “lixo podre” e esquecido pelo poder público.

Nosso governo parece que fechou os olhos para aquele povo que vê naquele lugar os sonhos de lazer se transformando em pesadelos e também palco de alguns crimes no decorrer da história.

A praça é mal iluminada, falta grama e plantas ornamentais. O calçamento e os canteiros estão completamente depredados ou gastos pelo tempo. A sujeira vista em todo lugar. Em alguns canteiros pode-se observar que ainda tem azulejos, mas imundos, encardidos ou quebrados. Os locais que deveriam servir de assentos são imundos e desconfortáveis.

Mas a podridão maior é vista nos banheiros públicos ali instalados. As portas e todas as estruturas de ferro enferrujadas e comprometidas. Os azulejos quebrados e encardidos. Vasos quebrados e remendados com cimento ou algo parecido, pretos, imundos e nojentos. Para se entrar nesses locais tem que ter sangue de barata e espírito de porco ou pelo menos fingir que tem, tapando os narizes e forçando para não vomitar.

Nossa equipe esteve no local a pedido de alguns internautas. Ficamos escandalizados porque o cenário é simplesmente deprimente, dando a impressão que o poder público fez um grande X no mapa do esquecimento.

UMA GRANDE VERGONHA PARA NOSSO POVO QUE EM ANO DE ELEIÇÕES, GASTA SEU VOTO EM CANDIDATOS POMPOSOS QUE NORMALMENTE NÃO CUMPREM O PROMETIDO.
Clique >>aqui<< para ver todas as fotos na nossa página "Pitacos e Broncas"


Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.

1 comentários:

  1. Matéria postada em 03/06/2018 - Governo de Neto.
    As queixas foram muitas.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.