JUSTIÇA DA SUÍÇA MULTA CUNHA POR TENTAR CRIAR OBSTÁCULOS A INVESTIGAÇÃO SOBRE CONTAS

ADVOGADO TENTA MANOBRAS PARA IMPEDIR QUE A SUÍÇA CONFIRME A EXISTÊNCIA DE CONTAS DE EDUARDO CUNHA   
GENEBRA – O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), foi obrigado a pagar R$ 22,3 mil à Justiça suíça por tentar impedir que os extratos de suas contas fossem enviadas ao Brasil. 

Documentos obtidos pelo Estado confirmam que o Tribunal Penal Federal da Suíça constatou que o parlamentar, sua mulher, Cláudia Cordeiro Cruz, e seu truste usaram o mesmo advogado e os mesmos argumentos no esforço de impedir que seus dados bancários fossem enviados ao Brasil e que o caso fosse julgado no País.     

Os três recursos foram rejeitados e Cunha foi obrigado a arcar com todos os gastos do processo, inclusive as horas de trabalho dos juízes e da administração pública na Suíça. “O montante do pagamento é calculado em função de dimensão e dificuldade da causa, a forma das partes de proceder, sua situação financeiras e as taxas de administração”, indicou uma decisão do tribunal. Segundo os juízes, as pessoas que apresentaram recursos terão de arcar com os custos do processo, fixados em 6 mil francos suíços (R$ 22,3 mil).

O Ministério Público da Suíça já havia indicado a existência de US$ 2,4 milhões em contas secretas no banco Julius Baer, controladas pelo deputado e sua mulher. Os suíços, porém, optaram por transferir o processo ao Brasil.



Fonte/ http://www.msn.com/pt-br/noticias/brasil/justi%C3%A7a-da-su%C3%AD%C3%A7a-multa-cunha-por-tentar-criar-obst%C3%A1culos-a-investiga%C3%A7%C3%A3o-sobre-contas/ar-AAfPe3B?li=AAaB4xI

Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.