VÍDEO: MARIDO DE DELEGADA AGRIDE VIOLENTAMENTE UMA VIGIA

ELE JÁ ESPANCOU DOIS FUNCIONÁRIOS COM SOCOS E PONTAPÉS E AMEAÇOU OUTRO MORADOR DE TRÊS CORAÇÕES  
População revoltada pede justiça. Governador Pimentel lamenta a violência e chama agressor de covarde
Um vídeo publicado nas redes sociais neste final de semana vem provocando revolta e uma onda de compartilhamento e comentários.

O vídeo mostra o empresário Luiz Felipe Neder Silva, de 34 anos, dando um soco em Edvania Nayara, de 23 anos, que trabalhava como vigia em um clube e quando estava caída no chão, ele chuta violentamente o seu rosto sem dar a ela nenhuma chance de defesa. O crime aconteceu por volta das 18:00 hs de sábado, 17, na cidade de Três Corações, sul de Minas Gerais.

De acordo com informações da internet, Neder é casado com uma delegada de polícia e teria agredido a esposa dentro do clube. A mulher então teria jogado as chaves do carro para a vigia, pedindo que a mesma jogasse as chaves para bem longe, fora do alcance do marido. 

No vídeo, dá pra perceber que a vigia não foi agressiva nem grosseira com o empresário, quando o mesmo, de maneira súbita, desferiu um violento golpe no rosto da mesma.

O homem teve a prisão preventiva decretada pela Justiça, segundo informações da Polícia Civil. Ele já tem várias passagens pela polícia por agressão.

Felipe Neder é conhecido na cidade como Felipe de Bia e já tem passagens pela polícia também por agressão. Em 23 de julho deste ano, segundo boletim de ocorrência da PM, um funcionário de uma olaria de Luiz Felipe registrou queixa contra ele por lesões corporais.

Segundo o funcionário, Luiz Felipe estava acompanhado de outro homem armado e invadiram o barraco onde o ceramista morava e o agrediram com chutes e socos no rosto. Depois, segundo a ocorrência, os agressores fugiram.

Em 27 de janeiro de 2014, Luiz Felipe se envolveu em uma briga e ameaçou um morador de Três Corações, segundo outro boletim de ocorrência. Em 23 de maio de 2011, mais uma ocorrência contra ele por lesões corporais. A queixa é de outro funcionário dele na loja Stock Cell. A vítima teria sido agredida com chutes e socos ao comunicar que estava se demitindo.

O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), divulgou nota em repúdio ao episódio. Na nota, o governador presta solidariedade à vigilante. "Edvania, jovem agredida violentamente por um covarde em Três Corações. Como Edvania, que cumpria bravamente seu papel como agente de segurança, cerca de 130 mil mulheres em Minas Gerais sofrem com a violência de gênero. Temos de colocar fim a essa triste, lamentável e doída estatística."

Pimentel dá ainda orientação a quem sofre esse tipo de agressão. "Procure uma delegacia da mulher ou denuncie, de forma anônima, pelo Disque 100. Isso vale também para os homens - a violência contra a mulher é um problema nosso - que tenham conhecimento de casos como o que vimos em Três Corações. Não seja conivente", diz o fim do comunicado.

 Se você presenciou ou sabe de algum fato interessante, acidente ou crime, nos envie a história com fotos ou vídeos. Adicione nosso whatsapp: (73) 9 8121-7618.

(Com informações do R7, YOUTUBE e EM)

Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.