MUCURI-BA: PADRASTO É PRESO SUSPEITO DE ESTUPRAR ENTEADA DE 7 MESES; POLÍCIA APONTA CONIVÊNCIA DA MÃE

MÃE DA CRIANÇA TAMBÉM FOI PRESA. BEBÊ TINHA MORDIDAS NO CORPO, ACRESCENTOU A POLÍCIA. CASO OCORREU NA CIDADE DE MUCURI, NO SUL DO ESTADO  
Um homem foi preso, na terça-feira (28), suspeito de abusar sexualmente da enteada, um bebê de sete meses, na cidade de Mucuri, no sul da Bahia.

A mãe da criança e mulher do suspeito também foi presa por conivência. As informações foram divulgadas pela Polícia Civil nesta quarta-feira (29).

A criança está sob acompanhamento do Conselho Tutelar. Segundo a polícia, o bebê deve passar por exame de corpo de delito no Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Teixeira de Freitas, nesta quarta-feira (29).

De acordo com a polícia, a situação foi descoberta depois que o Conselho Tutelar da cidade recebeu denúncias sobre o caso. A polícia esteve na casa da família e encontrou o bebê com marcas de mordidas no corpo, que seriam fruto dos abusos cometidos pelo padrasto.

Conforme disse a polícia, no momento da prisão, o homem tentou fugir pelo fundo da casa, mas foi impedido e capturado. Segundo a polícia, o homem tem várias passagens por tráfico de drogas e homicídio.

O suspeito e a mulher foram encaminhados para a Delegacia de Mucuri, onde estão à disposição da Justiça. De acordo com a polícia, o padrasto deve responder por crime de estupro de vulnerável e a mãe por omissão.




Matéria postada em 29/11/2017 – Fonte: G1

Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.