Gerais

Porto Seguro – Motorista de Uber foi brutalmente agredido por taxista

Mais uma agressão movida por despreparo psicológico e falta de respeito às leis

Mais um absurdo registrado neste domingo, em Porto Seguro, extremo sul da Bahia, quando um motorista do aplicativo Uber, foi brutalmente agredido por pessoas descontroladas.

Adriano Rosas acabara de deixar um turista no aeroporto, quando foi insultado, humilhado, ameaçado e depois agredido fisicamente com socos, que atingiram principalmente o olho e o supercílio. Foi preciso a intervenção de um policial militar e um policial federal. Segundo Adriano, pelo menos cinco taxistas o cercaram e cometeram as agressões. A vítima e o principal agressor foram encaminhados à delegacia.

O Samu foi acionado e prestou atendimento e prestou atendimento à vítima.

Agressões como essa tem se tornado rotina em Porto Seguro, numa clara falta de respeito às leis. Os agressores se acham donos do poder e acima da ordem e da lei, acreditando na impunidade.

O livre mercado e a livre concorrência tornam os serviços ou produtos mais baratos e facilitam a vida dos usuários, mas ao que parece, a prefeitura não observou esses detalhes e proibiu a atuação dos motoristas do aplicativo na cidade. A proibição aguarda decisão judicial.

Em nota enviada na manhã desta segunda, 1º/10/2018, a Uber repudiou o caso: "A Uber considera inaceitável o uso de violência. Acreditamos que qualquer conflito deve ser administrado pelo debate de ideias entre todas as partes. Todo cidadão tem o direito de escolher como quer se movimentar pela cidade, assim como o direito de trabalhar honestamente". 



Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.