bahia

Tragédia familiar – Homem mata ex esposa à facadas e comete suicídio em Aurelino Leal, Bahia

O ex marido não aceitava a separação. A mulher havia pedido medida protetiva devido à várias agressões e ameaças
Uma tragédia familiar aconteceu na cidade de Aurelino Leal, município vizinho a Ubaitaba, no sul da Bahia, na noite desta quarta-feira, 24/10/2018.

O padeiro Givaldo de Jesus, de 46 anos, não aceitava o relacionamento e aproveitou a ausência dos filhos para invadir a casa da ex esposa e assassiná-la a facadas. A vítima Luzinete Góes, de 44 anos, era professora do município e foi morta com vários golpes de peixeira, segundo informações da polícia a vários sites regionais.

Após cometer o homicídio, o suspeito cometeu suicídio. Ainda segundo a polícia, no corpo da vítima foram encontradas marcas de espancamento no rosto e no pescoço. Luzinete era uma ótima pessoa, uma professora competente e muito querida pelos alunos e colegas de profissão.

O casal deixa dois filhos, uma moça de 19 anos e um menino de 14. Segundo familiares de Givaldo, ele não aceitava o fim do relacionamento e o casamento deles foi marcado por constantes brigas.

Em janeiro deste ano, Luzinete conseguiu uma medida protetiva para que o marido ficasse no mínimo a 200 metros de distância dela. Apesar disso, ela permitia a aproximação de Givaldo em alguns momentos, em função dos dois filhos do casal.

As aulas nas escolas das redes municipais de Ubaitaba e Aurelino Leal foram suspensas nesta quinta-feira. A prefeitura de Ubaitaba lamentou e divulgou nota de pesar sobre o caso.


Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.