crime

Vídeo - Funcionários de companhia elétrica são executados após cortar luz de uma casa

Supostamente a casa pertencia a membro de alguma facção
Esta matéria chama a atenção pela brutalidade do crime contra dois funcionários de uma empresa de energia, só porque fizeram seu trabalho numa “área proibida”, dominada por alguma facção criminosa.

O crime aconteceu na última terça-feira, 15/01/2019, no local conhecido como Sítio Natureza, nas proximidades do Maiobão, em Paço Lumiar, região metropolitana de São Luis do Maranhão.

Os trabalhadores João Victor Melo e Francivaldo Carvalho da Silva, funcionários da Companhia Energética do Maranhão (Cemar), foram executados dentro de um veículo Uno, de propriedade da empresa. A motivação do crime pode ter sido o corte de energia na casa de um meliante.
A polícia agiu rápido, prendendo um suspeito, logo após o crime. Trata-se de Pablo Martins Silva, de 18 anos, vulgo “D’Menor”. Ele teria seguido os trabalhadores e os surpreendeu com tiros na cabeça, sem chance de defesa.

Moradores da localidade disseram que o acusado nem se deu ao trabalho de discutir com as vítimas. Já chegou atirando.
Fonte: Diário online / Fotos: Reprodução da Internet / Texto adaptado: Carlos Rheiz



Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.