EMPRESÁRIA PAULISTA COMEU EMPADA CONTAMINADA E MORREU POR INFECÇÃO INTESTINAL EM PORTO SEGURO

APÓS VINTE DIAS INTERNADA, EMPRESÁRIA NÃO RESISTIU E MORREU NO ÚLTIMO DOMINGO  
Uma empresária paulista morreu neste domingo,  21/06 em Porto Seguro, vítima de infecção intestinal causada pela bactéria salmonela.

Celina Mattos, de 68 anos, estava de férias com o marido, numa praia de Arraial D’Ajuda, quando comeu uma empada de camarão e logo em seguida passou mal. Ela foi internada no dia 06/05 e ficou internada por 20 dias, mas não resistiu e morreu no último domingo, 21/06.

A família dela é de São José do Rio Preto, SP, para onde o corpo será levado e sepultado, provavelmente nesta terça-feira, 23/06.

Nós, brasileiros, estamos acostumados com essa cultura de comer coisas nas ruas, mas deveríamos saber dos riscos que corremos porque a origem desses alimentos chamados “salgadinhos”, nem sempre tem boa procedência ou podem ser contaminados pela exposição ao ar livre, como acontece em nossas praias.

A salmonelose é uma doença causada pela bactéria do gênero Salmonella, frequentemente encontrada no trato intestinal de humanos, animais domésticos e selvagens, sendo muito comum em aves. É transmitida por alimentos frequentemente de origem animal, contaminados com fezes de animais, ingeridos crus ou mal cozidos. O ovo tem sido implicado na maioria dos casos e surtos identificados. O mecanismo da transmissão se dá ou pela contaminação fecal externa dos ovos ou no interior da galinha, no qual a salmonela pode infectar o ovo antes da casca ser formada. Outros alimentos que já foram incriminados são: coco, fermento, peixe defumado, leite em pó e chocolate, mas qualquer alimento pode transmitir a doença, se forem manipulados sem higiene.

Ultimamente pudemos ver um vídeo na rede social onde um vendedor de milho pega água de poça, no chão e coloca na panela. Todo cuidado é pouco.

Clique >>aqui<< para curtir nossa página no facebook.

Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.

1 comentários:

  1. Sua informação está mal explicada; não é necessário um alimento estar contaminado por fezes (que originam os coliformes fecais) para conter a bactéria da salmonela.
    A contaminação se dá principalmente através da ingestão de alimentos portadores dessas bactérias, quando crus ou mal cozidos, por água imprópria para o consumo, ou pela falta de higiene de quem manipula esses alimentos.
    Como você citou, o ovo é um dos principais vilões quando INGERIDO CRU OU MAL PASSADO. Se for manipulado com higiene e bem cozido (gema e clara "duros") não há perigo algum nesse alimento. O mesmo vale para todas as carnes.
    Ou seja, a contaminação pode se dar de várias formas, inclusive pela contaminação cruzada como usar a mesma tábua para cortar carnes cozidas e cruas, ou vegetais e pães, armazenar alimentos crus e cozidos no mesmo lugar, não manter a temperatura adequada de conservação (comum em alimentos vendidos na rua), etc, etc...
    Para publicar uma informação o esclarecimento deve ser o mais amplo e imparcial possível afim de evitarmos sensacionalismo e disseminar a ignorância.

    ResponderExcluir

Tecnologia do Blogger.