crime

Macabro – Acusado de matar mulher dormiu na mesma cama onde o corpo estava escondido

Norma Célia

Valmir dos Santos, de 32 anos, acusado de ter matado Norma Célia Farias Carvalho, de 47 anos, e escondido o corpo dentro da cama box na quitinete de um prédio na Rua Alquimia, no bairro Vila Caraípe em Teixeira de Freitas, dormiu sobre o corpo da vítima antes que fosse notado seu desaparecimento.


Segundo a família, Norma desapareceu no último sábado (08), quando saiu de sua casa dizendo que ia para um sítio com o acusado que ela vinha se relacionando há uns 30 dias e não deu mais noticias.

Nesta terça feira (11), o filho da vítima procurou a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM) e registrou o desaparecimento da mãe.
Prédio onde foi achado o corpo

Na manhã desta quarta-feira (12), uma equipe da DEAM composta pelo chefe do SI Rocha Júnior e o agente André, foram até o prédio onde o crime aconteceu. A proprietária do imóvel abriu a porta e só depois de muito procurar os agentes descobriram o corpo preso dentro da cama box.


Segundo Rocha Júnior, na tarde desta terça-feira (11), Valmir ligou para a polícia dizendo que iria se entregar o que não aconteceu, e só foi detido na manhã desta quarta-feira (12), por uma guarnição da Polícia Militar.
Fonte: Bahia Extremo Sul
Foto: Reprodução / Teixeira Hoje



VOCÊ TAMBÉM PODERÁ GOSTAR DAS MATÉRIAS ABAIXO:




Aviso do Bocão 64

Caro internauta: A sua opinião sobre esta matéria é muito importante, mas os comentários que você postar nesta página, são de sua exclusiva responsabilidade e não representam a opinião do site. Rode o mouse para baixo, participe, comente e divirta-se.
Comentários
0 Comentários

0 comentários:

Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.